São Jose comemora vitória expressiva

O São José foi bem e conseguiu uma vitória expressiva sobre o líder do grupo no Campeonato Paulista da Segunda (4ª) Divisão. Na tarde desta sexta-feira, recebendo o Grêmio Mauaense na casa alternativa de Guaratinguetá, ganhou por 3 a 0 e passou a ter o melhor índice de aproveitamento, alcançando a vice-liderança.

No terceiro jogo do campeonato e no primeiro que pôde contar com os seus dois atacantes especialistas na formação inicial, o São José foi um time equilibrado nos três setores. Atacando desde o início, envolveu o adversário com posse de bola, criou oportunidades de gol e não deu chances à equipe que chegou com o ataque mais eficiente da competição, de 11 gols em três jogos.

O time joseense já havia desperdiçado duas chances quando abriu o placar, aos 29 minutos. Em uma falta da meia direita, o meia Victor Feijão cobrou com perfeição, mandando por cima da barreira e no ângulo esquerdo.

Mesmo em vantagem, o São José não alterou a forma de atuar e foi recompensado com mais um gol, aos 9 minutos do segundo tempo. O lateral-direito Léo Félix desceu pela direita, entrou em diagonal e fez um passe centralizado para Victor Feijão. Da entrada da área, o meia foi rápido ao mandar m chute reto e rasteiro, no canto esquerdo. O goleiro Valdemar, provavelmente esperando um passe de Feijão para o lateral-esquerdo Maicon, foi pego no contrapé.

O Mauaense tentou reagir e com o São José acomodado e confiante, conseguiu um volume de jogo ofensivo razoável. No entanto, o máximo que conseguiu foi valorizar o trabalho da dupla de zagueiros Josué e Kazu, integrantes de uma defesa que agora tem três jogos no campeonato sem sofrer um único gol.

Com espaços para os contragolpes, o São José praticamente liquidou o adversário com o terceiro gol, aos 23 minutos. Da ponta esquerda, o lateral Maicon cruzou por baixo. O atacante Marlon disputou com a zaga e a sobra chegou perto da trave esquerda, onde o oportunista atacante Ruero conferiu com chute forte e pelo alto.

Mesmo sabendo que o jogo já estava perdido, o Mauaense insistiu na procura de um primeiro gol que acabou não encontrando. E com a defesa exposta, correu o risco de levar uma goleada, pois o estreante atacante joseense Brener deixou passar duas oportunidades de ampliar o placar para 4 a 0.

Na classificação

O Mauaense manteve a liderança, com nove pontos, mas depois de três jogos com vitórias, perdeu os seus três primeiros pontos. O São José, com sete pontos, assumiu a vice-liderança, mas com um jogo a menos. Segue invicto e com apenas dois pontos perdidos, porque acumula duas vitórias e um empate.

Na sequência da quarta rodada, o Manthiqueira de Guaratinguetá recebe o Jabaquara de Santos, neste sábado, às 15h e poderá alcançar o Mauaense, porque soma seis pontos em três partidas. O time santista é o quarto colocado, com três pontos em três jogos. No domingo, às 10h, o Real Cubatense, com um ponto em duas partidas, terá a visita do Atlético Mogi das Cruzes, que perdeu em seus dois jogos. O União de Mogi das Cruzes, que jogaria contra o desistente Guaratinguetá, folga na tabela, somando um ponto em três partidas.

O São José voltará a campo no dia 6 de maio, um sábado, às 15h, visitando o Atlético Mogi das Cruzes. E depois de pagar a punição com perda de dois mandos de campo, terá a primeira partida no Martins Pereira, dia 13, um sábado, às 19h30, recebendo o Real Cubatense. Na última rodada do turno, visitará o Manthiqueira, no dia 20.

Os times

O São José, do técnico José Francisco Oliveira, atuou com: Robert; Léo Félix (Anderson Júnior 36´/2º), Josué, Kazu e Maicon; Bruno, Anderson, Matheus Carioca (Marlon 14´/2º) e Victor Feijão; Ruero (Sydney 25´/2º) e Brener.

O Grêmio Mauaense, do técnico Flávio Borelli: Valdemar; Samuel, Ronaldo, Gabriel e Jeferson; Léo, Rafael, Nicolas (Elivelton – intervalo) e Vinícius; Rodrigo (Douglas 10´/2º) e Felipe (Josué 19´/2º).

No estádio Dario Rodrigues Leite, de público estimado inferior a 50 torcedores pagantes, o árbitro foi Antônio Carlos de Sousa Júnior, com os assistentes Hélio Antônio Salvia de Sá e Leandro Alves de Souza. A quarta árbitra: Adeli Mara Monteiro.

Comments

comments