Home / Destaque / Decisão do vôlei tem ingressos esgotados
William e Raphael durante a coletiva (Foto: Wander Roberto/Inovafoto/CBV)

Decisão do vôlei tem ingressos esgotados

Os ingressos já estão esgotados para a inédita participação do Taubaté Vôlei na decisão da Superliga, domingo, às 10h, em Belo Horizonte. Técnicos e capitães participaram de entrevista coletiva na capital mineira.

Confira no material divulgado pelo Depatamento de Comunicação da Confederação Brasileira de Vôlei.

A final da Superliga masculina em Belo Horizonte já estabeleceu sua primeira marca de sucesso a quatro dias da grande decisão: na manhã de quarta-feira (03.05) esgotaram-se os ingressos para assistir ao confronto entre Sada Cruzeiro (MG) e Funvic Taubaté (SP), no domingo (07.05), no Mineirinho.

Ao todo, são 14.353 lugares no ginásio, sendo que 9.081 foram destinados à venda e os demais distribuídos aos clubes finalistas e a patrocinadores.

O diretor Comercial e de Marketing da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), Douglas Jorge, destacou a enorme expectativa por um ótimo jogo e o bom planejamento da operação de vendas.

“O torcedor brasileiro compra porque sabe que no ginásio terá a oportunidade de assistir a um espetáculo condizente com o vôlei campeão olímpico. O planejamento de vendas antecipadas, com o início da operação um mês antes da partida, faz com que o público possa se planejar e comprar com calma”, comentou o diretor da CBV.

A comercialização de ingressos para o jogo decisivo começou em 7 de abril: nos três primeiros dias, foi feita a pré-venda para clientes do Banco do Brasil, o patrocinador oficial do voleibol brasileiro, e a partir de 10 de abril foi aberta a venda para o público em geral. A operação foi online e em bilheterias físicas, que não mais abrirão.

Entrevistas

Sada Cruzeiro (MG) e Funvic Taubaté (SP), finalistas da Superliga masculina de vôlei 2016/2017, fizeram os primeiros treinos oficiais no ginásio do Mineirinho, em Belo Horizonte (MG), na manhã desta quinta-feira (04.05) na preparação para a grande decisão de domingo (07.05), às 10h, com transmissão ao vivo da TV Globo e do SporTV.

Após os treinos, técnicos e capitães finalistas participaram de uma coletiva de imprensa, onde falaram sobre suas expectativas para a grande decisão desta semana. Levantador do time cruzeirense, William, de 37 anos, campeão da Superliga cinco vezes, falou sobre a vivência de disputar mais uma grande final.

“Para nós é mais um motivo de orgulho e de alegria poder jogar nossa sétima final consecutiva. Nosso time foi montado para isso. Viemos de um campeonato longo, bem disputado, conseguimos fazer uma das melhores temporadas e chegamos com confiança para essa final de domingo”, disse William, que prevê um duelo difícil.

“Acho que o jogo vai ser realmente complicado. Taubaté tem uma excelente equipe, com grandes jogadores e que cresceu demais nessa reta final. Quem ganha é todo mundo que gosta do vôlei e que admira um vôlei bem jogado. Talvez essa seja a melhor final tecnicamente falando, pela qualidade de todos os jogadores”, opinou o levantador do Sada Cruzeiro.

Capitão do Funvic Taubaté, Raphael também demonstrou orgulho em ter a oportunidade de disputar a final da Superliga, competição que ganha elogios do experiente levantador de 37 anos.

“É a primeira vez que o Vôlei Taubaté chega a final e fico muito feliz de fazer parte do projeto quase desde o começo. Com certeza, para nós foi a temporada mais significativa não só por termos alcançado a primeira final da Superliga, mas pelo amadurecimento do projeto, que vem crescendo a cada ano. Para nós, podemos fazer a final contra o Sada Cruzeiro, um time extremamente campeão, é um grande prazer”, afirmou Raphael, que complementou.

“Para mim, particularmente, também é um grande prazer poder fazer parte deste espetáculo, que é o voleibol brasileiro. Depois de tantos anos fora do Brasil, fico muito honrado de participar desta final de Superliga, um campeonato que vem crescendo a cada ano e é um dos principais do mundo. Fico muito honrado de fazer parte disso tudo, aproveitar essa chance e a experiencia de ser privilegiado por disputar mais um título”, disse Rapha.

Palavra dos treinadores

Palavra dos treinadores

Treinador do atual campeão, Sada Cruzeiro, Marcelo Mendez falou sobre a chance de dirigir um time brasileiro em uma competição nacional no país que conquistou a medalha de ouro olímpica.

“Estou feliz por chegar a mais uma final no país do voleibol, de onde saiu o último campeão olímpico. Temos um grupo muito bom e vamos jogar contra um grande time, como Taubaté, que tem campeões olímpicos, mundiais e jogadores com muita experiência internacional. Vai ser uma grande final e quem ganha são os espectadores”, comentou Mendez.

Pelo lado do Funvic Taubaté, o técnico Cezar Douglas fez uma análise da decisão deste domingo contra o Sada Cruzeiro.

“Enfrentar o Sada Cruzeiro engrandece ainda mais essa disputa para o nosso projeto. Depois de um ano olímpico, com o Brasil se sagrando campeão, acredito que para o voleibol brasileiro seja muito importante uma final com tantos jogadores que estiveram lá, em um confronto que vai ser visto por tanta gente. Espero que consigamos colocar um equilíbrio na partida desde o início e que seja um jogo muito competitivo, decidido nos detalhes, como é digno dessas duas equipes”, concluiu Cezar Douglas.

Comments

comments

Confira Também!

Manthiqueira pode antecipar a ponta

O Manthiqueira de Guaratinguetá visita o Real Cubatense neste domingo, às 10h, em Santos e …