Home / Destaque / São José pode antecipar classificação
Victor Feijão vai abrir o placar para o São José na vitória do turno sobre o Mauaense (Foto: Jogando Juntos)

São José pode antecipar classificação

O São José visita o Grêmio Mauaense na tarde deste sábado e tem a primeira das três chances de classificação antecipada no Paulista da Segunda (4ª) Divisão. Com o artilheiro Ruero sendo preservado por forte gripe, o time joseense também corre pela liderança.

Folgando na tabela da rodada anterior, o São José vem de uma goleada fora de casa, quando fez 4 a 1 no Jabaquara de Santos e ficou ainda mais próximo da classificação antecipada. Agora, para matematicamente confirmar presença entre os quatro melhores do grupo, necessitará, no máximo, de mais dois pontos dos 12 por disputar nas suas quatro partidas restantes.

Uma vitória em Mauá também deixaria o São José com chances de tomar o segundo lugar defendido pelo adversário. O Mauaense tem três pontos de vantagem e um melhor saldo de gols. No entanto, ainda não teve a sua rodada de folga de tabela no atual returno.

Mesmo com uma derrota em Mauá, o São José ainda poderá ter a classificação consumada. No mesmo horário, o Jabaquara recebe o Manthiqueira e empatando o perdendo, ficaria sem chances de alcançar os joseenses.

“Temos que nos concentrar e fazer mais um bom jogo, principalmente porque o adversário é forte e mostrou isso no primeiro turno, quando fizemos a nossa melhor partida e vencemos por 3 a 0”, disse o técnico joseense José Francisco Oliveira.

O terceiro jogo da 11ª rodada do Grupo 4 também será na tarde deste sábado, com o Atlético Mogi das Cruzes recebendo o Real Cubatense. O União de Mogi das Cruzes folga na tabela e continuará como o penúltimo colocado da seguinte classificação.

Os times

O atacante Ruero, artilheiro do São José com seis gols, ficou fisicamente prejudicado por uma forte gripe e será preservado, começando entre os reservas. Rodrigo, do adversário Mauaense, tem sete gols e ambos continuam perseguindo Felipe, do Esporte Clube São Bernardo e líder da artilharia com 10 gols.

Na vaga de Ruero voltará o meia Victor Feijão, após suspensão por terceiro cartão amarelo. O lateral-direito Léo Félix, recuperado de contusão no ombro, reaparecerá no meio-campo, setor que continua sem o volante Bruno, contundido na coxa.

O técnico Oliveira provavelmente escalará o São José com: Robert; Josué, Cazu, Lucas Carioca e Paulinho Graça; Sydney, Léo Félix, Anderson e Victor Feijão; Matheus Carioca e Brener. Os jogadores Renan Casemiro, Gustavo e Zé Marcelo, importantes durante a goleada sobre o Jabaquara, seguiriam como opções de banco.

O Mauense vem de uma vitória fora de casa sobre o Real Cubatense, por 2 a 0. O goleiro Valdemar voltou a defender um pênalti quando o time vencia por 1 a 0 e o primeiro tempo estava para terminar. Ele repetiu a ação de uma vitória anterior por 3 a 0 como visitante do Manthiqueira de Guaratinguetá.

Na partida realizada no estádio do Jabaquara, o técnico Flávio Borelli utilizou a seguinte formação: Valdemar; Samuel, Ronaldo, Gabriel e Wesley (Nícolas); Mutton, Jeferson, Maranhão e Vinícius; Kauê (Júnior) e Rodrigo (Elivelton)

No estádio Pedro Benedetti, em Mauá, o árbitro será Lucas Canetto Bellote, com os assistentes Osvaldo Apipe de Medeiros Filho e João Petrúcio Marimônio de Jesus dos Santos. O quarto árbitro: Luís Fábio Abel de Almeida.

No 1º turno

Foi justamente contra o Mauaense que o São José conseguiu o seu resultado de destaque no primeiro turno. Ainda cumprindo uma punição que custou o mando de campo de dois jogos, recebeu o adversário em Guaratinguetá, no dia 28 de abril.

Sobre a partida, o Jogando Juntos apresentou o seguinte texto:

O São José foi bem e conseguiu uma vitória expressiva sobre o líder do grupo no Campeonato Paulista da Segunda (4ª) Divisão. Na tarde desta sexta-feira, recebendo o Grêmio Mauaense na casa alternativa de Guaratinguetá, ganhou por 3 a 0 e passou a ter o melhor índice de aproveitamento, alcançando a vice-liderança.

No terceiro jogo do campeonato e no primeiro que pôde contar com os seus dois atacantes especialistas na formação inicial, o São José foi um time equilibrado nos três setores. Atacando desde o início, envolveu o adversário com posse de bola, criou oportunidades de gol e não deu chances ao concorrente que chegou com o ataque mais eficiente da competição, de 11 gols em três jogos.

O time joseense já havia desperdiçado duas chances quando abriu o placar, aos 29 minutos. Em uma falta da meia direita, o meia Victor Feijão cobrou com perfeição, mandando por cima da barreira e no ângulo esquerdo.

Mesmo em vantagem, o São José não alterou a forma de atuar e foi recompensado com mais um gol, aos 9 minutos do segundo tempo. O lateral-direito Léo Félix desceu pela direita, entrou em diagonal e fez um passe centralizado para Victor Feijão. Da entrada da área, o meia foi rápido ao mandar m chute reto e rasteiro, no canto esquerdo. O goleiro Valdemar, provavelmente esperando um passe de Feijão para o lateral-esquerdo Maicon, foi pego no contrapé.

O Mauaense tentou reagir e com o São José acomodado e confiante, conseguiu um volume de jogo ofensivo razoável. No entanto, o máximo que alcançou foi valorizar o trabalho da dupla de zagueiros Josué e Kazu, integrantes de uma defesa que agora tem três jogos no campeonato sem sofrer um único gol.

Com espaços para os contragolpes, o São José praticamente liquidou o adversário com o terceiro gol, aos 23 minutos. Da ponta esquerda, o lateral Maicon cruzou por baixo. O atacante Marlon disputou com a zaga e a sobra chegou perto da trave esquerda, onde o oportunista atacante Ruero conferiu com chute forte e pelo alto.

Mesmo sabendo que o jogo já estava perdido, o Mauaense insistiu na procura de um primeiro gol que acabou não encontrando. E com a defesa exposta, correu o risco de levar uma goleada, pois o estreante atacante joseense Brener deixou passar duas oportunidades de ampliar o placar para 4 a 0.

Os times

O times

O São José, do técnico José Francisco Oliveira, atuou com: Robert; Léo Félix (Anderson Júnior 36´/2º), Josué, Cazu e Maicon; Bruno, Anderson, Matheus Carioca (Marlon 14´/2º) e Victor Feijão; Ruero (Sydney 25´/2º) e Brener.

O Grêmio Mauaense, do técnico Flávio Borelli: Valdemar; Samuel, Ronaldo, Gabriel e Jeferson; Léo, Rafael, Nicolas (Elivelton – intervalo) e Vinícius; Rodrigo (Douglas 10´/2º) e Felipe (Josué 19´/2º).

O árbitro foi Antônio Carlos de Sousa Júnior, com os assistentes Hélio Antônio Salvia de Sá e Leandro Alves de Souza. A quarta árbitra: Adeli Mara Monteiro.

No estádio Dario Rodrigues Leite, 37 torcedores pagantes e renda de R$ 420,00.

Comments

comments

Confira Também!

São José ataca em casa pela liderança

O São José já antecipou classificação à próxima fase do Paulista da Segunda (4ª) Divisão, …