Futsal movimenta times da região

O futsal da região tem uma semana de partidas importantes. Pela Liga Paulista, o Taubaté defenderá a liderança do grupo e o Yoka de Guaratinguetá tentará voltar à zona de classificação. Pelo Metropolitano Feminino, o São José disputará o jogo de ida das finais.

A Liga Paulista está com a fase inicial se aproximando do fim. No momento, em dois grupos, as equipes estão se enfrentando em turno e returno, disputando as vagas das quatro primeiras posições.

No Grupo B, o Taubaté já está com a classificação encaminhada e passa a jogar pelo primeiro lugar. Somando 24 pontos, acompanhará com atenção o jogo desta terça-feira, às 19h45, em Campinas. O vice-líder Pulo do Gato, com 21 pontos, recebe o terceiro colocado, o Corinthians, que tem 19. No sábado, às 19h, o Taubaté receberá o Dracena no ginásio Vila Aparecida.

No momento, o Yoka, com 14 pontos, disputa a quarta vaga com dois concorrentes. O Uniara de Araraquara está na frente com 15 pontos. O Dracena tem os mesmos 14 da equipe de Guaratinguetá, mas possuindo vantagem no número de vitórias, por 4 a 3.

Sábado, na distante Dracena, o Yoka terá um confronto direto contra o time da casa, no ginásio Alaor Ferreira, às 20h15. O Uniara voltará a campo somante na semana que vem, dia 28, quarta-feira, recebendo o Taubaté.

Também no sábado e pelo Grupo B, o Bauru defenderá as suas chances matemáticas de entrar na disputa como um quarto candidato. Possuindo cinco pontos, terá todas as chances de somar mais três, pois visitará o Hortolândia que saiu derrotado de todas as 10 rodadas já fechadas

Feminino

No Metropolitano de Futsal Feminino, estão definidas as datas das duas partidas do mata-mata das finais. O jogo de ida será no sábado, às 19h15, com o São José visitando o Taboão da Serra no ginásio José de Souza Sobrinho, o Zé da Bola.

A partida de volta virá somente no dia 5 de julho, uma quarta-feira, às 19h15, no ginásio do Tênis Clube São José. O intervalo será por conta dos Joguinhos Abertos da Juventude, que levará alguns dos envolvidos, como as jogadoras joseenses Beatriz, Paloma e Jhennifer, além do treinador de goleiros Claudião.

O time joseense, por melhor campanha, terá as vantagens do segundo jogo em casa e da igualdade na soma dos pontos. Com uma vitória e uma derrota, ou com dois empates, provocará uma prorrogação e possuindo a opção do empate.

No campeonato, os dois finalistas já disputaram oito partidas e os números do São José são impecáveis. O time venceu todas marcando 33 gols e sofrendo nove. O Taboão da Serra tem cinco vitórias e três derrotas. Já no saldo de gols, também soma 24, pois marcou 38 e sofreu 14.

Comments

comments