Taubaté volta a campo após dois meses

O Taubaté preferiu manter o time em atividade no segundo semestre e chegou a hora da estreia na Copa Paulista. Nesta sexta-feira, às 20h, recebe o Juventus no Joaquinzão e apresenta uma equipe reformulada e com novo treinador. O preço do ingresso da geral foi reduzido.

No ano passado, assim como em 2015, o Taubaté preferiu suspender as atividades depois dos campeonatos de acesso, encerrados no final de abril ou começo de maio. O objetivo era evitar mais gastos com competições e colocar em dia as contas pendentes. Assim, até o começo do Paulista da Série A-2 deste ano, o Burro da Central ficou mais de oitos meses sem entrar em campo.

Agora, para transportar uma base de um campeonato da A-2 para outro, o presidente Eduardo Cursino e os demais dirigentes resolveram investir na Copa Paulista. O vice-presidente Gilsinho Rezende passou a elaborar o planejamento, negociando a permanência de alguns jogadores e abrindo espaço para a vinda de outros.

Como a campanha na Série A-2 não atingiu o objetivo de colocar o time entre os quatro semifinalistas para tentar uma das duas vagas de acesso à Série A-1, um novo técnico será observado. Alexandre Ferreira, que na A-2 fez um bom trabalho no concorrente Batatais, chegou a tempo de participar da reformulação do elenco.

Alguns jogadores chegaram recentemente, além do prazo de inscrição para a rodada de abertura. Sem eles, o time foi armado e testado em um jogo-treino com visita ao Atibaia, sábado passado. A formação titular abriu o placar com o atacante Chuck e os atibaienses empataram na etapa final, após várias substituições nos dois lados.

O técnico não antecipou a escalação para a estreia. Uma provável: Celio Gabriel; Tinga, Eder, Guilherme e Paulo Henrique; Cleber, Alan Mota, Gabriel e (Hugo ou Léo Aquino); Chuck e Renan Xavier. Seriam cinco remanescentes da A-2: Celio Gabriel, Eder, Guilherme, Alan Mota e Gabriel.

A competição

A competição

O Taubaté começa a Copa Paulista como um dos oito times do Grupo 3. Depois de 14 rodadas de turno e returno, os quatro melhores avançarão à segunda fase. Deslanchando e terminando como campeão ou vice, o Burro da Central também faria história, porque pela primeira vez teria o direito de disputar uma competição nacional.

O artigo 12 do regulamento confirma a premiação reservada aos dois finalistas: “O Clube campeão será indicado a uma das vagas disponíveis à Federação Paulista de Futebol, para a Copa do Brasil de 2018 ou poderá optar pela indicação à vaga disponível para o Campeonato Brasileiro Série D de 2018.  O Clube vice-campeão será indicado à vaga remanescente entre as duas competições.”

O jogo do Taubaté contra o Juventus abre a rodada inicial do Grupo 3. No sábado, às 15h, o Água Santa de Diadema terá a visita do Nacional de São Paulo. Um pouco depois, às 16h, o São Caetano receberá o time B do Santos. E na terça-feira, às 20, a Portuguesa jogará contra a Portuguesa Santista, no estádio do Canindé.

Na Série A-2, Taubaté e Juventus se enfrentaram no dia 18 de março, pela 11ª rodada e empataram por 1 a 1. Em São Paulo, no estádio da Rua Javari, os juventinos abriram o placar com o volante Felipe Santos, aos 28 minutos e os taubateanos igualaram quase em seguida, aos 31, com o atacante Everton.

Ingressos, adversário e arbitragem

O Taubaté reduziu os preços dos ingressos. A geral, que durante a Série A-2 custava R$ 30, passa a R$ 20. A arquibancada social custará R$ 30 e a cadeira coberta, R$ 50. Nos três setores haverá meia-entrada para estudantes, aposentados e professores da rede pública.

O Juventus continua sendo dirigido pelo técnico Edilson Chiari. No último dia 17, dsputou um jogo-treino com o Atibaia e perdeu por 1 a 0. No primeiro tempo, atuou com: Paulo Vitor; Jô, Vinícius Gomes, César e Douglas; Fran, Vanilo, Thiaguinho e Milton; Brasil e Deivide. No segundo tempo, entraram: Rafael, Matheus Teta, Janderson, Cesinha e Moicano.

O árbitro será: Alessandro Darcie, com os assistentes Gustavo Rodrigues de Oliveira e Rafael Tadeu Alves de Souza. O quarto árbitro: Daniel Carlos Luciano Fernandes.

Comments

comments