São José vence e fecha turno vice-líder

O São José conseguiu um excelente resultado no último jogo pelo primeiro turno do seu atual quadrangular no Campeonato Paulista da Segunda (4ª) Divisão. Na manhã deste domingo, visitando o Brasilis de Água de Lindoia, venceu por 2 a 1 e entrou na zona de classificação do Grupo 6 como vice-líder. Os cinco minutos iniciais do jogo foram decisivos para a conquista dos três pontos, nos quais o time joseense fez os seus gols.

Com o lateral esquerdo Maicon atuando bem como zagueiro, porque o zagueiro Josué foi deslocado para o lugar do contundido lateral direito Léo Félix, o São José também contou com uma boa atuação do goleiro reserva Rafael. Substituindo o contundido Robert, ele foi pouco acionado, mas transmitiu tranquilidade.

Em um campo de dimensões reduzidas e as linhas coladas ao alambrado e ao muro de um dos gols, o São José foi extremamente eficiente nos minutos iniciais. Aos 3 minutos, abriu o placar quando o meia Victor Feijão cobrou um escanteio da esquerda e o zagueiro Kazu, subindo mais que os outros na altura da marca do pênalti, mandou uma cabeçada indefensável para baixo e no canto esquerdo.

O Brasilis ainda tentava assimilar o golpe quando o São José ampliou, com menos de cinco minutos de partida. Em um passe aprofundado da meia direita e em diagonal, o atacante Brener surgiu livre na frente do goleiro e teve tranquilidade para finalizar com um chute rasteiro, por baixo de Lailson.

O placar de 2 a 0 desestabilizou o Água de Lindoia, mas o São José não teve a competência necessária para fazer um terceiro gol e liquidar o adversário. Depois de desperdiçar algumas boas descidas, a partir da metade do segundo tempo, o time joseense ficou sem volume de jogo ofensivo e passou a ser pressionado.

Com substituições que exploravam os levantamentos na área, o Brasilis foi falhando nas finalizações, até conseguir o seu gol, aos 35 minutos. O lateral esquerdo joseense Paulinho Graça cedeu um escanteio pela direita, bem cobrado pelo meia Everton Henrique. Na altura da marca do pênalti, o atacante Wagner usou a boa estatura e mandou uma cabeçada precisa, no canto esquerdo.

Nos cinco minutos seguintes, o São José correu o risco de sofrer um gol de empate. Principalmente porque perdeu o Maicon, expulso por dois cartões amarelos. O zagueiro atrasou uma reposição de bola em cobrança de falta, aos 33 e depois, aos 35, fez uma falta mais dura.

Depois, até o apito final, o time joseense voltou a conseguir uma razoável retenção de  bola no campo de ataque, aliviando uma pressão maior sobre a sua defesa e sustentando o resultado de três pontos.

No encerramento do quadrangular do Grupo 6, que qualificará os dois melhores às quartas de final, a classificação ficou assim: 1º ) Itararé – 7 pontos; 2º) São José – 5; 3º) Osasco FC – 4 e 4º) Brasilis – 0. A quarta rodada terá os mesmos confrontos, mas com a inversão de mando de campo. No domingo, dia 6 de agosto, o São José receberá o Brasilis, às 10h e o Itararé terá a visita do Osasco FC, às 15h.

A penúltima rodada terá os jogos: Osasco FC x São José (13/8) e Itararé x Brasilis (11/3). Na última (20/8): São José x Itararé e Brasilis x Osasco FC.

Os times

O São José, do técnico José Francisco Oliveira, enfrentou o Brasilis com: Rafael; Josué, Kazu, Maicon e Paulinho Graça; Sydney, Bruno (Ian 17´/2º), Anderson e Victor Feijão; Ruero (Thiago Seiji 27´/2º) e Brener (Matheus Carioca 35´/2º).

O Brasilis, do técnico Juarez Leite; Lailson; Caio, João Pedro, Wellington e Paulo (Paulo Henrique 27´/2º); Ranieri, Everton Brito, Everton Henrique e Uéslei; Rômulo (Ramon – intervalo) e Aaron (Wagner 27´/2º).

O árbitro foi Alysson Fernandes Matias, com os assistentes Fabrício Porfírio de Moura e Leandro Alves de Souza. O quarto árbitro: Júnior Lima dos Santos.

No estádio Leonardo Barbieri, 137 torcedores pagantes e renda de R$ 985,00.

Na foto, (de Felipem Viana/Viana Assessoria), o atacante joseense Ruero tenta escapar de dois marcadores do Brasilis.

Comments

comments