Garotos do basquete joseense estreiam no Rio

O time sub-20 do São José Basketball estreia neste domingo na Liga de Desenvolvimento do Basquete, a categoria mais próxima da adulta da Liga Nacional. Em um grupo de cinco concorrentes que se enfrentam no Rio de Janeiro, terá que superar os favoritos para chegar às semifinais.

Com o time principal desativado por falta de investimentos financeiros, o São José mantém as categorias de base em atividade. E quando não perde garotos levados por equipes dos campeonatos Paulista e Brasileiro, consegue entrosar formações com qualidade e resultados interessantes.

O desafio de vez é no Rio de Janeiro, no ginásio do Gávea, onde o Flamengo é o anfitrião de um grupo que também conta com o Pinheiros de São Paulo, o Franca e o Minas Tênis Clube. Os cinco times se enfrentam em um turno único de quatro rodadas e os dois melhores avançarão às semifinais. O outro grupo está sendo disputado simultaneamente em Curitiba. Na capital do Paraná, estão: Curitiba, Paulistano, Praia Clube de Uberlândia, Basquete Cearense e Sogipa.

A primeira rodada dupla foi disputada na manhã deste sábado. Na preliminar, o Franca venceu o Minas por 79 a 51. E no jogo de fundo, o Pinheiros deu uma demonstração de força ao construir 86 a 34 no Flamengo.

Na manhã deste domingo, às 8h30, Pinheiros e Franca se enfrentam e a partida vale a liderança isolada. Depois, às 10h30, o São José estreia contra um Flamengo que buscará reabilitação. O Minas folga na tabela.

O time

O técnico Cris Ahmed já dirigiu o São José em outras edições anteriores do campeonato e sabe o que seus jogadores deverão enfrentar. Por isso, nas declarações, lembra que a equipe não teve a preparação adequada no tempo de treinamentos, principalmente por conta da saída de alguns titulares da temporada anterior. E também que os concorrentes têm a vantagem da equipe principal em atividade. Alguns garotos treinam com os adultos e de vez em quando são relacionados para o banco de reservas das partidas.

Mesmo assim, o treinador joseense está valorizando o potencial do grupo que viajou na sexta-feira para o Rio. Sem antecipar a formação inicial, poderá escalar: Lucas Santana, Mateus Bolinha, Pedro Paulo, Rodrigo e Baby. Começariam no banco: Juan, Lucas, Félix, Renan, Itaquá, Gabriel e Guirro.

Na foto (de Arthur Marega Filho/São José Basketball), Guilherme em um amistoso contra o Mogi das Cruzes.

Comments

comments