Taubaté Futsal negocia contratos após título

A conquista do título da Copa Paulista valorizou os jogadores do Taubaté Futsal. Consequentemente, a diretoria enfrenta dificuldades para acertar a renovação de contrato de alguns, mas também encontra receptividade ao sondar reforços, como o pivô Fabinho, voltando de uma Liga Nacional.

O mercado de transferências fica bem movimentado na virada de um ano para outro e poucos times vitoriosos conseguem manter a maioria dos seus jogadores. No Taubaté, por enquanto, Marcelo Paulista, Dieguinho, Fabrício, Rômulo, Vandinho e Nenê ainda não estão confirmados.

Como a volta aos treinos está prevista somente para a segunda quinzena de fevereiro, o presidente Alan Victor e o diretor André Coutinho têm tempo suficiente para prosseguir com as negociações. Querendo manter a competitividade alcançada pelo Taubaté, ambos também têm tempo para pensar em peças de reposição, ou reforços que qualifiquem ainda mais o elenco.

Dos campeões da Copa Paulista, seis jogadores já estão com a permanência confirmada: Gustavo, Jojô, Pezão, Felipe, Vinícius e Vitinho. O goleiro Gustavo teve a chance da titularidade e conseguiu se firmar em um espaço que pertencia ao experiente Pezão. O beque Jojô, outro renomado e de muitas temporadas, foi um dos primeiros a assinar para 2018. O ala Fabrício tinha propostas de outros times, mas preferiu ficar, assim como o ala Vinícius e o pivô Vitinho.

Voltando e reforços

Voltando e reforços

O pivô Fabinho acertou a volta, depois de realizar o desejo de participar de uma edição da Liga Nacional. Em 2016, ele terminou o ano como artilheiro da Copa Paulista e vice-campeão com o Taubaté. Procurado pelo campeão São José, topou a transferência para poder jogar no Brasileirão da modalidade. Todavia, por motivos financeiros, o time joseense pediu dispensa das competições do semestre e a transferência foi desarmada.

Em mais um campeonato pelo Taubaté, Fabinho foi o terceiro artilheiro da Liga Paulista, com 16 gols. Despertando o interesse do Carlos Barbosa, foi para o tradicional time do Rio Grande do Sul logo após as primeiras rodada da Liga Nacional. Pela equipe gaúcha, participou de oito partidas e fez dois gols.

Procurado pelo Taubaté e com uma Liga Paulista para começar a temporada 2018, Fabinho retornou à região. Aos 29 anos, certamente voltará a marcar gols importantes para o time que continuará sendo dirigido pelo técnico Leandrinho Reis, outro que já havia renovado contrato.

Como novidades, dois reforços já foram anunciados. O ala Dasaiev vem do Mogi das Cruzes, que teve uma temporada positiva. O beque Victor Cardelli já passou por alguns concorrentes como a Intelli, o Jales e o Bauru, mais recentemente.

Na foto (de Carlos Barbosa/Divulgação), Fabinho quando apresentado como nova contratação do clube gaúcho.

Comments

comments